Postado em: 25 de setembro de 2017
Conheça o mercado de resseguros e o crescimento no Brasil
foto de reseguro

Todo tipo de pessoa ou empresa está propenso a sofrer algum dano ou prejuízo, até mesmo as seguradoras. Quando uma empresa do ramo de seguros está com uma grande responsabilidade de apólices e indenizações, pode ocorrer que haja um grande dano financeiro e é neste cenário que surge o resseguro.

O Que é Resseguro?

Este tipo de negócio ocorre como uma espécie de parceria, as seguradoras repassam parte de seu faturamento para uma empresa de resseguro que assume a responsabilidade de arcar com os danos e prejuízos que podem ocorrer com alguma apólice muito grande.

Isto quer dizer que qualquer pessoa física ou jurídica pode contratar um serviço de seguro e através do pagamento de um prêmio, faz com que a resseguradora assuma parte do risco ou o risco total do cliente. Este tipo de processo é necessário principalmente em casos de catástrofes e acidentes de grandes proporções.

Pode também ocorrer de uma resseguradora não conseguir cobrir totalmente os danos, nesse caso ocorre um processo conhecido como retrocessão, onde outra empresa de resseguros assume a responsabilidade de cobrir parcial ou integralmente. A estratégia do resseguro tem como função cuidar para que nenhuma empresa saia sobrecarregada em casos mais extremos, pois uma sobrecarga pode vir a prejudicar as empresas, os clientes tanto gerais, como também os ligados à apólice e indenização.

O Mercado de Resseguros:

Este tipo de mercado é um dos mais importantes no setor financeiro de diversos países desenvolvidos, pois este tipo de divisão de responsabilidade permite que haja melhor distribuição de recursos para infraestrutura e outras necessidades para a sociedade local.

Em termos de Brasil, trata-se de um mercado em crescimento relativamente recente. No ano de 2008, ocorreu o fim do monopólio estatal que dominava o setor, o que auxiliou para que as empresas tivessem maior autonomia. De acordo com a Superintendência de Seguros Privados (Susep), em 2016 houve um volume de prêmio repassado às resseguradoras de R$ 8,6 bilhões, percentual 1% maior do que o saldo do ano anterior.

O crescimento do mercado de seguros comuns movimenta diretamente também o crescimento do resseguro. Com um crescimento de 9,2% (segundo a CNseg- Confederação Nacional das Seguradoras) referente a um seguro comum, é possível prever números ainda maiores em ambos os segmentos nos próximos anos.

Além disso, as empresas de resseguro contaram com um lucro altíssimo no último ano. O IRB Brasil RE, considerado um dos líderes nacionais deste segmento contou com um lucro de R$849,9 milhões em 2016, o que representa 11% a mais do que foi arrecadado em 2015.

Todo este sucesso pode se dar a melhorias em sua carteira de seguro, no último ano a empresa renovou inúmeros de seus maiores contratos nacionais ou internacionais que tem aumentado sua participação no mercado brasileiro em até5 pontos percentuais.

Além de todos estes dados, ainda existe uma grande tendência de surgimento de novos produtos desta área, que fazem com que a expectativa deste mercado para os próximos anos seja otimista.

DEIXE UM COMENTÁRIO