Postado em: 9 de janeiro de 2018
WORKSHOP DA FENASAÚDE SOBRE POLÍTICA DE REAJUSTES DE PLANOS DE SAÚDE TEM PROGRAMAÇÃO DEFINIDA

 

A Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde) fechou a programação da segunda edição do Workshop de Análise de Impacto Regulatório, que terá como tema a política de controle de reajustes. O evento ocorrerá no dia 26 de janeiro (sexta-feira), às 9h, no Rio de Janeiro. Com inscrições encerradas, o workshop será transmitido ao vivo pela web.  Saiba como acompanhar: https://eventos.cnseg.org.br/eventos/evento/2-workshop-analise-de-impacto-regulatorio-o-controle-de-reajustes/

Na solenidade de abertura, a presidente da FenaSaúde, Solange Beatriz Palheiro Mendes (foto); o presidente da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg), Marcio Coriolano; e o secretário-geral da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Suriêtte Santos, irão discorrer um breve cenário do segmento de planos de saúde.

Na sequência, o superintendente de regulação da FenaSaúde, Sandro Leal, apresentará a proposta do workshop sobre a política de controle de reajustes. Antes de iniciar os painéis, a professora associada ao Departamento de Ciências Econômicas, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Mônica Viegas abordará a questão da regulação e a concorrência na estrutura do mercado de Saúde Suplementar.

“Na medida em que os custos médico-hospitalares crescem em ritmo acelerado, tornou-se ainda mais fundamental debater o impacto das regulações nas esferas econômica e financeira, dentro da Saúde Suplementar. Nesse cenário, a política de controle de reajuste dos planos de saúde é tema obrigatório. O atual modelo não parece adequado tanto para as operadoras, que não veem as despesas assistenciais cobertas pelo reajuste e se desinteressam pelo segmento, quanto pelos consumidores, que ficam com limitadas opções para adquirirem planos individuais. O workshop será importante para apontar novos caminhos”, explica Sandro Leal.

Debates com especialistas

Dividido em dois painéis, o primeiro ‘Fundamentos e efeitos do controle de reajustes dos planos individuais’ será ministrado pelos professores da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, da Universidade de São Paulo (USP), Ana Carolina Maia e João Vinícius de França Carvalho. A palestra será seguida de um debate com as participações do economista e chefe da assessoria especial de Reformas Microeconômicas, do Ministério da Fazenda, João Manoel Pinho Neto; do professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Carlos Ragazzo; da superintendente da SulAmérica, Mônica Nigri; e do especialista em regulação da ANS, João Boaventura Branco de Matos. A moderação desse painel será feita pelo professor de economia, da PUC-RJ, Luiz Roberto Cunha.

Já o segundo painel ‘Alternativas e propostas para um novo modelo de reajuste’ será ministrado pelo professor do Departamento de Economia, do Instituto de Economia, da Universidade de Campinas (UNICAMP), Edgard Pereira. Por sua vez, os debatedores serão o coordenador e professor de economia da FGV, Armando Castelar Pinheiro; a gerente econômico-financeiro e atuarial de produtos da ANS, Daniele Rodrigues de Campos; e o diretor da Bradesco Saúde Flávio Bitter. Essa discussão será moderada pelo diretor-executivo da FenaSaúde, José Cechin.

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO